Sábado, 8 de Abril de 2006

Mourinho e a tabuada antivedetas

Ainda há poucos dias trocamos aqui comentários sobre o Chelsea não ter nenhuma estrela, leiam este artigo muito interessante sobre o tema.

Não sei se será uma obsessão pessoal, um critério táctico ou uma aposta que fez com um amigo, mas é evidente que alguma coisa leva José Mourinho a não ter uma supervedeta entre no seu plantel. O treinador português pode sempre argumentar que os resultados desportivos mostram que não precisa das grandes estrelas, mas tenho sérias dúvidas que os seus administradores pensem o mesmo.

Há duas coisas que as supervedetas dão aos clubes, que o Chelsea, por culpa desta teimosia de Mourinho, pura e simplesmente não tem. Uma são os milhões que resultam das vendas das camisolas.

Por melhor que o negócio esteja a andar pelos lados de Stanford Bridge, os Blues ainda estão noutro campeonato quando se fala de resultados de merchandising. É claro que para poderem competir neste mercado teriam de ter a mesma história e o mesmo número de adeptos que os grandes, que obviamente não têm, mas também teriam de ter "heróis" de carne e osso, como Ronaldo, Beckham e Rooney, que "equipam" milhares de jovens em todo o mundo. Há anos que o Real Madrid e o Manchester United entenderam esta fórmula mágica e não lhes tem dado maus resultados financeiros.

A outra razão, bem menos prosaica, é o espectáculo. Há coisa melhor que ver Ronaldinho pôr a bola na grande área com o calcanhar e ainda se rir com o prazer da finta? Ou que poder assistir a Cristiano Ronaldo deixar três adversários sentados no chão antes de rematar à barra de fora de área? Nada!

Ora, Mourinho, apesar de ter um cheque em branco para comprar estrelas deste calibre, não as tem. Em vez disso, preferiu gastar rios de dinheiro em jogadores como Essien e Wright-Philips, que raramente se vêem em campo e quando lá estão parece que é para cumprir a tabuada.

Da enxurrada de críticas que o português tem ouvido este ano, esta parece-me a única com sentido de justiça. Ganhar, como Mourinho diz, "é o que importa". Mas se só fizéssemos "o que importa" na vida, nem sequer veríamos futebol.


O jogo do ano

É dia 29 e pode decidir o campeonato inglês. O último jogo do Chelsea em casa é contra o Manchester United, segundo classificado, que ainda tem possibilidades (remotas...) de ameaçar a liderança. A 22 dias do grande momento já não há bilhetes disponíveis e os pubs nacionais esperam a maior enchente do ano. A pôr na agenda.
publicado por Admin às 12:02
link do post | comentar | favorito
|
3 comentários:
De Orlando Augusto Stock a 27 de Maio de 2006 às 15:20
José Mourinho pode ser o melhor treinador do mundo,mas´ele é absolutamente anti-vedeta!Ao contrário de muitas pessoas que gostam de aparecer em revistas cor-de-rosa,ou tabloides,Mourinho permanece no seu canto!Ele detesta o mediatismo que tomou conta do futebol!
De Orlando Augusto Stock a 27 de Maio de 2006 às 15:20
José Mourinho pode ser o melhor treinador do mundo,mas´ele é absolutamente anti-vedeta!Ao contrário de muitas pessoas que gostam de aparecer em revistas cor-de-rosa,ou tabloides,Mourinho permanece no seu canto!Ele detesta o mediatismo que tomou conta do futebol!
De Orlando Augusto Stock a 27 de Maio de 2006 às 15:20
José Mourinho pode ser o melhor treinador do mundo,mas´ele é absolutamente anti-vedeta!Ao contrário de muitas pessoas que gostam de aparecer em revistas cor-de-rosa,ou tabloides,Mourinho permanece no seu canto!Ele detesta o mediatismo que tomou conta do futebol!

Comentar post

.mais sobre mim

.Junho 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. Jose Mourinho Blog - Muda...

. José Mourinho perde peso

. Jose Mourinho oferece 40 ...

. Jose Mourinho já prepara ...

. José Mourinho receptivo a...

. José Mourinho não conta c...

. Hilário é o eleito de Jos...

. José Mourinho admite que ...

. Defesa-central português ...

. Jose Mourinho autoriza sa...

.arquivos

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

blogs SAPO

.subscrever feeds